Etiquetas

docJan17_print_1

Folheto «Mais direitos, mais futuro. Não à precariedade» (pdf)

Nesta segunda fase da campanha «Mais direitos, mais futuro. Não à precariedade» o PCP procurará dar a conhecer aos trabalhadores as propostas para a resolução do flagelo da precariedade. Reforçar a ideia de que há alternativa à precariedade e à instabilidade, que não é possível existir desenvolvimento económico e social, enquanto centenas de milhares de trabalhadores viverem com salários miseráveis, vínculos temporários, condições de permanente instabilidade.

A campanha decorrerá até Maio e contará com diferentes elementos de apoio às acções e iniciativas, com um primeiro documento sob o lema «Se fazes falta todos os dias por que razão o teu contrato é precário?», seguindo-se outras edições específicas como é exemplo um relativo ao trabalho temporário e prestação de serviços. Para além destes elementos, este período será também marcado pela edição de vários comunicados e boletins de empresas e locais de trabalho.

Reforçar a luta contra a precariedade é reforçar a luta em cada empresa pelos problemas concretos dos trabalhadores, exigir salários dignos e vínculos efectivos para postos de trabalho permanentes.

Anúncios